Pular para o conteúdo principal

Edicação da Semana...

Os Sinais dos que Amam a Deus.

“Amaras o Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento.” Mt 22:37

Quando declaramos o nosso amor por alguém, verbalizamos o que sentimos. Mas somente por meio de nosso comportamento podemos confirmar o que sentimos, pois este sentimento pode ser notado por sinais, “Os Sinais dos que amam”. Nosso comportamento expressa muitos sinais a respeito do que nós sentimos. Amor é um sentimento que é manifestado por sinais. Quais são os sinais dos que amam a Deus?

Manifestar sinais que amam a Deus depende de como está o seu coração, pois onde estiver o teu coração, ali estará também o teu tesouro. Se queremos herdar o reino, precisamos amar a Deus de todo o nosso coração pois é isso que nos ensina a palavra. Eu não posso me conformar em ser um crente comum, mas devo desejar fazer a diferença.
Os sinais dos amam a Deus:

1. “Repúdio ou desprezo pelo mundanismo”
“Não ameis o mundo, nem o que há no mundo. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele.” 1Jo 2:15
A ordem bíblica é: Não ame o mundo! Lembra do começo desta palavra, o amor evidencía-se na prática. Se alguém ama o mundo, ainda vive nas práticas mundanas. Certamente porque ainda não provou o amor de Deus. O amor de Deus nos atrai. Alguém só pode ser puro diante de Deus se amá-lo de todo o coração.

2. “Amor incondicional pelo nosso irmão”
“Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual vê, não pode amar a Deus, a quem não ê.” 1Jo 4:20
Como eu posso saber se amo a Deus? João diz que haverá um profundo sentimento de amor pelos irmãos naqueles que amam a Deus. Amor pelos irmãos é um sinal de quem ama a Deus. Jesus, o nosso irmão maior, o primogênito intercedeu para que Deus nos perdoasse. Qual é a nossa atitude diante dos nossos irmãos? Quando estes erram e nos entristecem qual é a nossa atitude? 1Jo 3:7-12.

“Mas se andamos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros...” 1Jo 1:7

3. “Guardam os seus mandamentos”
"Nisto conhecemos que amamos os filhos de Deus, se amamos a Deus e guardamos os seus mandamentos. Porque este é o amor de Deus, que guardemos os seus mandamentos; e os seus mandamentos não são penosos;” 1Jo 5:2-3
Se amamos a Deus guardamos os seus mandamentos, e praticamos a sua palavra.
Guardar aqui tem o mesmo sentido de esconder. Quem ama a Deus manifesta cuidado e zelo pela palavra, guardando-a em seu coração.

4. “Convicção profunda de que tudo coopera para o bem”
“Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus.” Rm 8:28
Aqui não fala daqueles que crêem muito, ou dos que vem todo domingo no culto ou em todas as células. Todas as circunstâncias, por mais adversas que sejam, podem cooperar para o bem do crente que ama a Deus. Josué e Calebe sabiam disso, e tinham convicção de que os seus inimigos seriam vencidos. Davi amava a Deus e estava convicto de que Golias não cooperava para o bem de Israel. Mas agora é bom dizer que algumas coisas são prejuízo mesmo! Pois alguns não amam a Deus e não podem viver essas promessas. Amar a Deus é ter segurança para ver o livramento em qualquer situação! Não amar a Deus é ter prejuízo!

5. “Alegria e felicidade por receber a coroa da vida”
“Bem aventurado o homem que suporta a provação, porque depois de ter passado na prova, receberá a coroa da vida, que o Senhor prometeu aos que o amam” Tg 1:12
Quem recebeu a Jesus recebeu a salvação, mas a coroa da vida só recebe quem ama a Deus.

6. “Disposição de cuidar de outras pessoas”
15 Depois de terem comido, perguntou Jesus a Simão Pedro: Simão, filho de João, amas-me mais do que estes? Respondeu-lhe: Sim, Senhor; tu sabes que te amo. Disse-lhe: Apascenta os meus cordeirinhos.
16 Tornou a perguntar-lhe: Simão, filho de João, amas-me? Respondeu-lhe: Sim, Senhor; tu sabes que te amo. Disse-lhe: Pastoreia as minhas ovelhas.
17 Perguntou-lhe terceira vez: Simão, filho de João, amas-me? Entristeceu-se Pedro por lhe ter perguntado pela terceira vez: Amas-me? E respondeu-lhe: Senhor, tu sabes todas as coisas; tu sabes que te amo. Disse-lhe Jesus: Apascenta as minhas ovelhas. Jo 21:15-17

Neste texto fica claro que um dos sinais dos que amam a Deus é a disposição de cuidar das pessoas que o Senhor nos confia. Todas as vezes que renunciamos este chamado, estamos dizendo que não amamos a Deus. As pessoas dizem: “Pouco me importa a vida dessas pessoas, eu já tenho problemas demais, o que importa é a minha salvação.” E continuam dizendo: “Eu não me sinto capaz, eu não nasci para isto, eu não sei fazer isso, eu não tenho paciência, eu não dou conta disso, eu não tenho essa obrigação!”

Realmente estes não tem tal obrigação, este encargo é só para os que amam a Deus!

7. “Colocar o Senhor em primazia”
“Quem ama seu pai ou sua mãe mais do que a mim, não é digno de mim; quem ama o seu filho ou filha mais do que a mim, não é digno de mim.” Mt 10:37
O amor a Deus vem antes de tudo, dos nossos sonhos, dos nossos filhos, do nosso cônjuge, ele deve ter a primazia, ser o primeiro. Israel voltou-se para Deus enquanto estavam presos, mas no deserto queriam voltar atrás, cuidado para não voltar para o Egito, priorize o Senhor.

Nós vamos ler uma palavra que está no verso de 1Co 16:22:

“Se alguém não ama o Senhor seja anátema, maranata.”

Maldito é todo aquele que não ama o Senhor, é o que diz o texto. Não foi para isto que o Senhor nos chamou. A Bíblia diz que temos o chamado de Abraão, e neste chamado ele nos diz:

“Sê tu uma bênção.”

Não fomos chamados para a maldição, mas para a bênção! Por isso o Senhor nos convida para amá-lo!
“A graça seja com todos os que amam a nosso Senhor Jesus Cristo com amor incorruptível.” Ef 6:24

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O poder de crer e confessar. Parte 2. Pr. Edenir Araújo - Culto de Celebração - 04/09/16

Entendendo a fé...
1. A fé é um espírito (2Co 4:13)
“Tendo, porém, o mesmo espírito da fé, como está escrito: Eu cri; por isso, é que falei. Também nós cremos; por isso, também falamos...”. 2Co 4:13
Veja que a fé não é questão de fórmula, mas de espírito. Paulo diz que temos o mesmo espírito de fé de Abraão, Moisés ou Davi. Sendo a fé um espírito, ela é contagiosa e por isso pode se espalhar. Você deve se lembrar do dia em que os doze espias foram enviados para espiar a terra de Canaã. Depois de quarenta dias, eles voltaram e dez deles disseram:
“Não podemos conquistar essa terra. As muralhas são muito largas, os gigantes, muito altos, e nós somos muito pequenos”. Mas dois deles, Josué e Calebe, disseram: “Vamos conquistar a terra, como pão, os podemos devorar; retirou-se deles o seu amparo; o SENHOR é conosco; não os temais”. Nm 14:9
Toda a nação acreditou nos dez espias e, por causa disso, morreram no deserto; mas, a respeito de Calebe, o Senhor disse que nele havia um espírito difer…

Destruindo os inimigos das nossas orações. Dn 10:12-13. Parte 2. Pr. Edenir Araújo - Culto de Celebração - 13/08/16

"12 Então, me disse: Não temas, Daniel, porque, desde o primeiro dia em que aplicaste o coração a compreender e a humilhar-te perante o teu Deus, foram ouvidas as tuas palavras; e, por causa das tuas palavras, é que eu vim. 13 Mas o príncipe do reino da Pérsia me resistiu por vinte e um dias; porém Miguel, um dos primeiros príncipes, veio para ajudar-me, e eu obtive vitória sobre os reis da Pérsia.” Dn 10:12-13
Por que temos tanta dificuldade para orar?
Eu creio que todos temos ideia de quanto a oração é importante pelo grau de dificuldade que sempre enfrentamos para orar. O nosso inimigo vai lutar de todas as formas para impedir que nossas orações cheguem ao trono do Pai. Ele vai tentar colocar barreiras que vão tentar invalidar nossas orações, para que a nossa oração não seja ouvida pelo Senhor. Precisamos remover então essas barreiras para o êxito na nossa oração.
Guarde essa verdade: O diabo e os demônios não querem que você ore! Eles sempre se oporão a você, pois sabem melhor d…

Ore até que algo aconteça! Is 62:6-7. Pr. Edenir Araújo - Culto de Celebração - 24/07/16

“6 Sobre os teus muros, ó Jerusalém, pus guardas, que todo o dia e toda a noite jamais se calarão; vós, os que fareis lembrado o Senhor, não descanseis, 7 nem deis a ele descanso até que restabeleça Jerusalém e a ponha por objeto de louvor na terra.”  Is 62:6,7
Introdução
Toda ação sobrenatural de Deus é precedida de oração. As chuvas de bênçãos não caem sem que antes nossos joelhos se dobrem. Deus não sarará a nossa terra sem que primeiro seu povo se humilhe e ore fervorosa e perseverantemente. (2Cro 7:14)
Jonathan Edwards, o clássico teólogo do avivamento disse: “Quando Deus tem algo muito grande para realizar em favor da igreja, o desejo dele é que esse seu ato seja precedido por orações extraordinárias do seu povo.”
Muitos cristãos estão vivendo tempos de estiagem e sequidão, porque não oram. Alguém me disse: Pastor Edenir, em minha igreja a reunião de oração está em estado de coma, está na UTI prestes a morrer. Os irmãos andam muito ocupados para ocupar-se com Deus em oração.
Não pode…