Total de visualizações de página

Acesse o site da GERAÇÃO DE ADORADORES IGREJA DE VENCEDORES

20111016

Os quase não valem nada. Mt 24:13; Ec 7:8 - Pr. Edenir Araújo - Culto de Celebração - 17/10/11

“Mas aquele que perseverar até ao fim será salvo.” Mt 24:13

“Melhor é o fim das coisas do que o seu princípio.” Ec 7:8

Vocês se lembram de quem quase ganhou o campeonato paulista no ano retrasado? Lembram quem quase foi a miss Brasil no ano passado? Quem quase se formou no ginásio ou colégio quando você estudava?

A gente tem um problema sério com o quase, com o inacabado. Eu quase conquistei algumas coisas na minha vida, quase me formei na faculdade, quase efetivei, quase emagreci, quase multipliquei a minha célula, quase me tornei líder de célula, quase me tornei um discipulador, faltou pouco, eu quase fui pastor, quase terminei a minha casa, quase entrei nesse relacionamento, quase casei, quase criei meus filhos, quase constitui família.

Que horrível chegar aos 90 anos de vida e perceber que em tudo, nós quase concluímos alguma coisa. Quase tive uma vida boa, quase respondi ao chamado do Senhor Jesus, quase vivi o melhor de Deus.

Será que a nossa vida é só um quase?

Quase toquei um instrumento. Quase cantei, quase comprei um carro, quase amei, quase fui crente, quase fui um discípulo, quase, quase, quase...

Eu gostaria de te dizer uma verdade: Os quase não conquistam nada, pois o importante é chegar até o fim.

Apocalipse 2:26 diz: “Ao que vencer, e ao que guardar as minhas obras até o fim, eu lhe darei autoridade sobre as nações.” Ap 2:26

Se você quase serviu a Deus ou quase ganhou seu vizinho, quase orou, quase jejuou, quase obedeceu ou quase recebeu o Espírito Santo; eu quero te dizer: Você não será recompensado como vencedor!

Você não foi chamado para ser um quase, um “malacabado” você foi chamado para ir até o fim!!!

“Estou plenamente certo de que aquele que começou boa obra em vós há de completá-la até ao Dia de Cristo Jesus.” Fl 1:6

Nós sempre somos julgados pela maneira como terminamos e não como começamos.

Diante de Deus, só vale aquilo que feito por inteiro. O próprio Deus nos propiciou exemplo perfeito desde o princípio: “E, havendo Deus terminado no dia sétimo a sua obra, que fizera, descansou nesse dia de toda a sua obra que tinha feito.” Gn 2:2

Ao referir-se à obra para a qual foi comissionado, Jesus Cristo declarou enfático: “Eu te glorifiquei na terra, consumando a obra que me confiaste para fazer”. Jo 17:4 E antes de entregar o espírito Ele foi categórico: Está consumado! Jo 19:30 Está concluído, terminado, finalizado!

“Ora, antes da Festa da Páscoa, sabendo Jesus que era chegada a sua hora de passar deste mundo para o Pai, tendo amado os seus que estavam no mundo, amou-os até ao fim.” Jo 13:1

"O importante não é saber quem foi que começou no jogo, mas sim quem terminou." John Wooden

Somos julgados pela maneira como terminamos e não como começamos. Por isso vá até o fim e faça o que se propôs a fazer com excelência!!!

Porque muitas pessoas não conseguem finalizar os seus projetos?

1. Por que são inconstantes. Tg 1:8

“homem de ânimo dobre, inconstante em todos os seus caminhos.” Tg 1:8

A inconstância é um mal que assola uma parcela significativa da sociedade. Ser inconstante é ter dificuldades em manter até o fim algum projeto que você iniciou; é viver disperso, com dificuldade em manter o foco naquilo que você se propõe a fazer. Nós, que somos feitos imagem e semelhança de Deus, precisamos crescer, superar nossas limitações e triunfar. Quando aceitamos a mediocridade, aceitamos com isso sermos diferentes do Pai, pois Ele não é medíocre! Não aceite mais ser assim!

Como é difícil lidar com a Inconstância não é mesmo? As pessoas inconstantes estão sempre mudando de opinião; mudando de foco, mudando de procedimento, instáveis, volúveis. Você já deve ter ouvido a expressão “fulano está de lua”, este é o inconstante.

A inconstância alterna negativamente o caráter. Pessoas que horas são boas, educadas, amigas, simpáticas, hospitaleiras, sensíveis; em outros momentos agem com arrogância, grosseria, indiferença, falta de amor, falta de lealdade. Pessoas inconstantes não são confiáveis, pois também são imprevisíveis. Não dão conta de cumprirem com seus compromissos, vivem atrasadas pois não administram seu tempo. Isso acontece por que o inconstante é aquele que tem no seu coração dois pensamentos. Na vida espiritual uma pessoa inconstante (de coração dobre) nunca estará realmente firmada na fé, ouve a Palavra mas não a pratica. Um coração inconstante pode levar o homem à ruína. Deus deseja que nos tornemos pessoas firmes e constantes, como diz 1Co 15:58:"Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor." RC

Agora a primeira área da sua vida onde você precisa demonstrar constância é com relação à sua fé. Podemos ver em Hebreus 11 exemplos de homens que foram constantes na fé e alcançaram o que almejaram. A inconstância revela falta de maturidade. Ninguém pode confiar numa pessoa que é inconstante nas suas decisões e escolhas. Precisamos ser firmes em nossas escolhas, a fim de se evitar desistências. Efésios 4:14 diz : "... não sejamos mais meninos inconstantes...” Ainda em Tiago capítulo 1 verso 17 podemos ler: Toda boa dádiva e todo dom perfeito são lá do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não pode existir variação ou sombra de mudança.” Tg 1:17

2. Porque não calculam o preço de seus projetos. Lc 14:28-30

Jesus nos ensinou que em tudo que queremos construir, devemos calcular o preço que vai nos custar.

28 Pois qual de vós, querendo edificar uma torre, não se senta primeiro a calcular as despesas, para ver se tem com que a acabar? 29 Para não acontecer que, depois de haver posto os alicerces, e não a podendo acabar, todos os que a virem comecem a zombar dele, 30 dizendo: Este homem começou a edificar e não pode acabar. Lc 14:28-30

Cada degrau a subir, cada obstáculo a ser superado, possui seu próprio preço. Você nunca se libertará do “quase” se você falhar em calcular o preço. Veja que para concluir as coisas nesta vida precisamos ter consciência do preço que iremos pagar. Algumas pessoas tem uma idéia equivocada sobre chegar até o fim. Se você quer ser livrar da maldição do “quase”, planeje, pague o preço, e vá até o fim!!!

Porque muitos casais não conseguem levar adiante seus casamentos? Porque não calcularam quanto custa um casamento. Porque muitos não concluem seus estudos? Porque se formar custa caro. Agora aprenda que tudo o que desejamos fazer tem uma etiqueta de preço. Há uma etiqueta de preço em tudo o que devemos possuir. O preço normalmente envolve dinheiro, tempo, energia. prazer, sono, relacionamentos. O preço outras vezes é a pressão, a crítica, o isolamento, a dor, o sacrifício financeiro. A maioria das pessoas procura portas largas e caminhos largos, por que não desejam pagar o preço ou imaginam tolamente que existe vitória ou conquista de algo sem um preço. “Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela; e porque estreita é a porta, e apertado o caminho que conduz à vida, e poucos são os que a encontram.” (Mt 7:13-14).

A respeito de pagar o preço, guarde essas verdades:

1. O que você pode alcançar depende do preço que você está disposto a pagar.

2. Nem todos pagam o mesmo preço. Cada um de nós tem uma cruz diferente para carregar.

3. Quanto mais você deseja algo, mais ele custará para você.

4. Se você reclama do preço você provavelmente vai desistir de pagá-lo. A reclamação antecede a desistência.

Uma maneira de não se frustrar nos projetos é você sempre orar até ter convicção de que Deus está aprovando suas intenções. Se Deus confirma que está no negócio, certamente o caminho será mais fácil de ser percorrido, pois quando Ele nos dá uma direção ele mesmo se encarrega de sinalizar este caminho para não sairmos dele. “Estou plenamente certo de que aquele que começou boa obra em vós há de completá-la até ao Dia de Cristo Jesus.” Fl 1:6

3. Porque confiam exageradamente em homens. Jr 17:5

“Assim diz o SENHOR: Maldito o homem que confia no homem, faz da carne mortal o seu braço e aparta o seu coração do SENHOR”. Jr 17:5

As pessoas desistem de seus planos, projetos e sonhos também porque se decepcionam e se frustram com homens. Confiam tanto em homens que se esquecem de que Deus é nosso verdadeiro provedor. Alguém me disse: “Pastor eu não vou dar conta de multiplicar minha célula, pois meu L.T. me deixou.” Quer dizer que seu L.T. é o fator de multiplicação de sua célula? Outro disse: “Ele que me emprestaria o dinheiro para começar meu negócio, e agora?”

“Confia ao SENHOR as tuas obras, e os teus desígnios (planos) serão estabelecidos (finalizados).” Pv 16:3

Se Deus for mesmo a sua fonte, nada e nem ninguém te poderão resistir impedindo a conclusão de seus planos! Se você cria uma expectativa no Senhor e espera nele, os recursos necessários para o início e a conclusão da sua obra virão!

4. Porque não perseveram. Hb 10:36

“Com efeito, tendes necessidade de perseverança, para que, havendo feito a vontade de Deus, alcanceis a promessa.” Hb 10:36

Muitos crentes estão passivos, esperando que Deus faça o que devemos fazer. Lembre-se de que somos “cooperadores de Deus” (1Co 3:9). Deus está fazendo a parte dele e se não fizermos a nossa continuaremos no “quase”. As pessoas não são conclusivas porque é sempre mais fácil desistir do que lutar. Se o casamento está ruim, troque de cônjuge. Se o trabalho está ruim troque de empresa. Se a igreja não vai bem, troque de pastor. A vida de muitos é um eterno “troca troca” por isso não saem do quase.

Você conhece a história do povo de Israel quando eles saíram do Egito. Eles não conseguiram entrar na terra prometida porque ficaram no quase.

“Disse o SENHOR a Moisés: Por que clamas a mim? Dize aos filhos de Israel que marchem.” Ex14:15

A um homem de 99 anos o Senhor disse: "Anda em minha presença e sê perfeito". (Gn 17:1) Preste atenção nessa ordem porque ela não é para parar e nem tão pouco deixar o barco correr. O imperativo é bem claro: continue andando e continue exercitando as virtudes que nos levam à perfeição em Deus.

5. Porque estão vazias de Deus. Jo 4:3-30

Este texto nos conta que Jesus quando estava indo da Judéia para a Galiléia, já na província de Samaria parou em uma cidade Sicar. Nessa cidade, Jesus parou para descansar ao lado de uma fonte, a fonte de Jacó. Chegando uma mulher samaritana, Jesus pediu água para essa mulher. Ela questionou a Jesus dizendo: “Como, sendo tu judeu, pedes de beber a mim, que sou mulher samaritana?” V.9. Jesus então respondeu: “Se conheceras o dom de Deus e quem é o que te pede: dá-me de beber, tu lhe pedirias, e ele te daria água viva.” V.10 Jesus continua dizendo no verso 13 e 14: Quem beber desta água tornará a ter sede; aquele, porém, que beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede; pelo contrário, a água que eu lhe der será nele uma fonte a jorrar para a vida eterna”.

Então a mulher de pronto pede a Jesus desta água, mas Jesus pede a ela que chame seu marido. A partir deste ponto, Jesus começa a tratar com o vazio que estava no interior daquela mulher. A resposta da mulher foi: “Não tenho marido.” V.17

Jesus então aprova a resposta da mulher dizendo: “Bem disseste, não tenho marido; porque cinco maridos já tiveste, e esse que agora tens não é teu marido; isto disseste com verdade.” V.17-18

Vemos que os muitos homens que aquela mulher teve, foi uma tentativa frustrada de preencher o vazio interior que ela tinha. Muitos hoje estão como aquela mulher, vivendo na promiscuidade. Outros talvez estejam tentando preencher o vazio de Deus futebol, tornando-se torcedores fanáticos. Outros ainda estão na pornografia, nas drogas etc.

Gostaria de fazer uma pergunta a você? Você já viu um homem ou mulher cheios de Deus desistir do casamento. Você já viu um homem ou mulher cheio de Deus desistir de seus filhos? Você já viu um homem ou mulher cheios de Deus desistirem da fé? Você já viu um homem ou mulher cheios de Deus desistirem da igreja? Você já viu um homem ou mulher cheios de Deus desistirem dos seus sonhos? Dificilmente pessoas cheias de Deus são desistentes! Pessoas cheias de Deus são conclusivas, vão até o final.

Nós precisamos nos encher de Deus para nos livrarmos da maldição do inacabado

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Senhor Cara Legal - Evangelismo com o livrete 11ª Questão

O poder da oração no Espírito