As tempestades nos levam ao Caminho. Mc 4:37-40 - Disc. André Queiróz - Cultode Celebração - 01/04/12

37 - E levantou-se grande temporal de vento, e subiam as ondas por cima do barco, de maneira que já se enchia. 38 - E ele estava na popa, dormindo sobre uma almofada, e despertaram-no, dizendo-lhe: Mestre, não se te dá que pereçamos? 39 - E ele, despertando, repreendeu o vento, e disse ao mar: Cala-te, aquieta-te. E o vento se aquietou, e houve grande bonança. 40 - E disse-lhes: Por que sois tão tímidos? Ainda não tendes fé? Marcos 4:37-40

Durante esta última campanha Deus tem me mostrado algo incrível, onde conquistamos os nossos objetivos em Deus, o que mais me chamou a atenção é que a todo o momento que estamos para conquistar algo, coisas horríveis acontecem, um ente querido adoece, nossa vida financeira dispara em queda livre, a vida profissional não flui. De fato pensamos em algo muito natural, “Alguma coisa de errado estou fazendo para que isto aconteça comigo” naturalmente é este o pensamento, veja que estamos treinados para reagirmos desta forma. Se por algum motivo temamos uma chuva por alguns minutos e não tomamos providências para rapidamente mudarmos de roupas e nos secarmos corremos o risco de ficarmos gripados, porém se este fato ocorre verdadeiramente condicionamos à gripe a chuva que tomamos.

No mundo Espiritual temos as mesmas atitudes, se por algum motivo ferimos os princípios de Deus logo somos tratados por sua misericórdia e amor, mas a minha maior ênfase esta quando nos comportamos segundo a vontade dEle e ainda por este motivo somos colocados em situações extremamente complicadas. Certas pessoas condicionam o tratamento de Deus como resultado do pecado, ou até mesmo por não ser uma pessoa que não foi escolhida por Deus.

Grande parte de nossos problemas ou dificuldades são condicionados unicamente a vontade de deus para nossas vidas, se adoecemos é por permissão de Deus, se prosperamos e pela vontade de Deus, se crescemos profissionalmente é por Ele. Tudo é por meio dEle: Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem. 1 Timóteo 2:5 . Devemos crer somente no poder de Deus para nossas vidas, pois é através dele e para ele que alcançamos o nosso Milagre.

Esta palavra esta em meu coração há algum tempo, mas por qual motivo passamos por estas tempestades como mencionado no texto anterior? De fato isso esta ocorrendo para algum fim, algum motivo existencial esta ocorrendo este fato, nesta última campanha contemplamos diversos milagres, mas ao conversar com estas pessoas cheguei ao mesmo resultado, toda tempestade, produz benção por meio do Senhor.

Nosso próximo alvo para nossa igreja é estabelecer UMA CASA DE MILAGRES, nesta estratégia os milagres aconteceram nosso em nossa igreja ou na Célula, acontecerão nesta nova fase da campanha. Entretanto devemos crer no que esta em João 15:16 “Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça; a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai ele vo-lo conceda”

Mas o que pensar em meio a este novo desafio? Esta nova fase devemos estar preparados para as tempestades e a maneira que devemos encarar os sinais de Deus.

Gostaria de compartilhar alguns pontos que refletem sobre a tempestade e os milagres que ocorrem através de nossas vidas.

1. As tempestades ocorrem para termos uma experiência real com Cristo.

Nesta passagem notamos que os discípulos estavam com Jesus no barco e estavam passando por uma grande tempestade (V. 37).

Muitas vezes estamos em meio a este tipo de situação e não notamos quem esta conosco ao barco. Existem diversas ocasiões na Bíblia que nos mostram estes sinais. Outra passagem é expressa na vida de Jó, onde notamos sua grande jornada, ainda segundo todo seu testemunho sua vida foi resumida a uma verdadeira experiência com Cristo:

Com o ouvir dos meus ouvidos ouvi, mas agora te veem os meus olhos.

Jó 42:4-5

Apesar de tudo o que tinha acontecido com ele, Jó só verdadeiramente creu de maneira física quando teve uma verdadeira experiência em meio à tempestade.

Nos dias de hoje o Senhor quer um relacionamento real com você, em ultima análise é o que o Senhor mais deseja é que tenhamos um real relacionamento com Ele. Creia porque quando a lógica humana não funciona esquecemos-nos de Deus, este é o nosso grande perigo, pois ao contrario de que pensamos o que Deus verdadeiramente quer é uma aproximação de nossa parte. As tribulações como as tempestades são as maneiras que Deus usa e permite para aproximarmos dEle.

2. Na tempestade é o melhor momento para vermos a Glória de Deus

Nesta passagem verificamos o que o Senhor é capaz de fazer a nosso favor! De uma maneira geral a palavra do Senhor foi de autoridade. Quando estamos envolvidos com algum problema, nossa fé é facilmente enfraquecida, pois dificilmente notamos o mover espiritual para nossas vidas, em meio a estas situações note os sinais que vemos no verso 39, nessa passagem note onde Jesus estava:

E ele estava na popa, dormindo sobre uma almofada, e despertaram-no, dizendo-lhe: Mestre, não se te dá que pereçamos?

Como vimos os discípulos não puderam ver quem estava com ele, analise verdadeiramente se não nos encontramos com esta passagem no nosso dia a dia. Assim como os discípulos, nós estamos com o Senhor em nossa presença e na hora do “aperto” queremos resolver uma coisa que não é nossa, contudo temos que olhar para quem esta sentado no barco no meio desta tempestade, neste texto vemos que o Senhor esta deitado DESCANSANDO, trazendo esta realidade para nossas vidas devemos ter a consciência que o Senhor esta deitado descansando em nossas vidas. Nos momentos de aflições como no barco vemos que a única saída foi enxergar onde o Senhor estava. Você pode comprovar isso na vida de pessoas que receberam o Milagre, no último minuto o senhor respondeu, pois tiveram a atitude correta como a dos discípulos, apesar de ter o Senhor no barco temos que chamar a atenção dEle através de nossa atitude, talvez nesta passagem vemos um ato sem fé mas qual é sua atitude em meio à tempestade?

3. Na tempestade Deus nos leva a exaltação.

Ao nosso favor Deus é capaz de tudo, no verso 39 vemos que a Tempestade foi acalmada V. 39.

Quando contemplamos uma ação de Deus em nossas vidas vemos que verdadeiramente o Senhor nos ama. O simples fato de nos responder já reflete diretamente no seu amor e benignidade, nessa tempestade que constantemente estamos passando seremos exaltados pelo Deus Vivo pois sua palavra nos mostra na vida de Elias

E sucedeu que, indo eles andando e falando, eis que um carro de fogo, com cavalos de fogo, os separou um do outro; e Elias subiu ao céu num redemoinho. (2 Reis 2:11)

As tempestades são definidas pela física num deslocamento de ar quente com o ar frio e o que mais me chama a atenção é que a tempestade em sua parte inferior sua temperatura é muito menor que no topo. O que isso quer dizer? Quando estamos cheios da presença do Senhor e de seu fogo , certamente seremos exaltados pelo nome do Senhor . o que isso tem a ver com o texto que lemos em II Reis? Que Elias estava em meio a uma tensão, a tensão que passamos tem o poder de nos levar para cima, se respondermos a Deus. Entendemos isso na filosofia dos Balões, quando o ar na parte interna dos balões é mais frio que o da temperatura ambiente ele não ganha altura, entretanto se injetamos calor em sua parte interna em segundos ele ganha altura . Em nossa realidade o que fará nossa vida ser conduzida para cima é a nossa fé, que aquecerá nosso interior com o fogo de Deus e nos levará aos lugares altos. Creia nisso!

4. 4. Na tempestade reconheça sua invalidez

Quando deparamos com uma situação sem saída temos dificuldade para entender que não somos capazes, veja que o Senhor no V. 40 entendemos que o senhor nos mostra que é por ele que conquistamos nossos objetivos, ele nos mostra nessa passagem que através da atitude dEle e de seu nome podemos ver sua resposta. Neste versículo ele repreende os discípulos com relação à intimidade com Ele e a segurança que Ele nos transfere. Nossa natureza pecaminosa nos mostra que devemos SEMPRE depender de Jesus. Analise sua vida agora, quantos ventos contrario passamos? Quantas dificuldades, entenda que esta é a maneira que Deus usa para exalta-lo .

Gostaria de encerrar compartilhando a passagem em que Moisés se encontra na Sarça Ardente:

E apareceu-lhe o anjo do SENHOR em uma chama de fogo do meio duma sarça; e olhou, e eis que a sarça ardia no fogo, e a sarça não se consumia.

E Moisés disse: Agora me virarei para lá, e verei esta grande visão, porque a sarça não se queima.

E vendo o SENHOR que se virava para ver, bradou Deus a ele do meio da sarça, e disse: Moisés, Moisés. Respondeu ele: Eis-me aqui.

E disse: Não te chegues para cá; tira os sapatos de teus pés; porque o lugar em que tu estás é terra santa.

Disse mais: Eu sou o Deus de teu pai, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque, e o Deus de Jacó. E Moisés encobriu o seu rosto, porque temeu olhar para Deus. Êxodo 3:2-6

Nesta passagem Moisés reconheceu que o poder de Deus não esta em uma natureza humana , o poder de Deus independe de nossas forças, devemos ter a consciência que quando nos consideramos incapazes ou inválidos o Senhor entra em ação. Neste dia o que Deus quer nos mostrar que nas tempestades somos conduzidos para um nível maior, uma posição de honra em Deus.

Nos momentos de incapacidades é que reconhecemos a nossa incapacidade, estamos aqui até hoje para conquistarmos o nosso milagre por meio de Cristo Jesus. Creia porque ele é fiel e justo para cumprir tudo que prometeu.

André Queiroz

(Ministração baseada no livro 21 dias para receber o milagre e em experiências que vivi nestes últimos meses).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O poder de crer e confessar. Parte 2. Pr. Edenir Araújo - Culto de Celebração - 04/09/16

Destruindo os inimigos das nossas orações. Dn 10:12-13. Parte 2. Pr. Edenir Araújo - Culto de Celebração - 13/08/16

Ore até que algo aconteça! Is 62:6-7. Pr. Edenir Araújo - Culto de Celebração - 24/07/16